Tweetar Post/Página

CINE NEWS / Filme da Fifa fracassa em estreia nos Estados Unidos

Joseph Blatter, o ator Gerard Depardieu e o diretor Frederic Auburtin em Cannes no ano passado 


 Cerca de 600 dólares. Esse foi o valor arrecadado pelo filme “United Passions” nos Estados Unidos em sua estreia nos cinemas. 

O filme narra a trajetória da Fifa e como três de seus presidentes, Jules Rimet, João Havelange e Joseph Blatter, transformaram a história do futebol no mundo. 

Desde que foi exibido oficialmente pela primeira vez, em 2014, no Festival de Cannes, a produção vem recebendo uma enxurrada de críticas. 

Há quem acredite, por exemplo, que o filme foi produzido como uma espécie de marketing promocional de Joseph Blatter para conseguir a reeleição de seu quinto mandato. 

Em uma das cenas de “United Passions”, o personagem que interpreta Blatter aparece ensinando funcionários da Fifa de como evitar esquemas de corrupção dentro da Federação. 

Blatter chegou a ser reeleito para a função, mas, ironicamente ou não, em meio a escândalos recentes de corrupção dentro da Federação, o suíço renunciou ao cargo na última semana. 

Superprodução 

“United Passions” teria recebido mais de 20 milhões de dólares para ser produzido. O valor foi bancado praticamente pela Fifa. 

Além do investimento milionário, o filme também contou com um elenco de peso, como os atores Tim Roth, Gerard Depardieu e Sam Neill e o diretor Frederic Auburtin. 

Em outras partes do mundo, o mau desempenho do longa-metragem também não foi diferente. No Brasil, o filme ainda não tem nenhuma previsão de estreia.
Compart

Por: Mundo MS Inc.

Navegue pela Data e encontre as Matérias em Ordem Cronológica.