Tweetar Post/Página

Internet via luz chega ao recorde de 224 Gbps e baixa filmes em segundos

Por Nilton Kleina



Você acha a sua conexão WiFi ou mesmo via cabo rápida o suficiente? Cientistas da Universidade de Oxford, na Inglaterra, quebraram um recorde na velocidade de transmissão de dados em rede capaz de deixar até o consumidor mais satisfeito do mundo com o queixo caído: a transmissão de teste atingiu bidirecionalmente 224 Gbps (gigabits por segundo).

A tecnologia utilizada para que essa velocidade absurda seja atingida é a LiFi, uma espécie de sucessora do WiFi que utiliza o espectro da luz para transporte de dados. No teste, a ligação foi realizada com um alcance de até 3 metros em 224 Gbps. Essa foi a primeira vez que essa técnica foi testada em um ambiente totalmente coberto pela rede.

Por enquanto, a LiFi está em fase de testes e não tem aplicação comercial, mas a tecnologia não para de avançar. Para efeito de comparação, as mais rápidas conexões WiFi atuais chegam a 600 Mbps, enquanto a fibra óptica é capaz de enviar 100 Gbps (só recentemente e sob determinadas condições). Quer mais um motivo para que ela chegue logo às operadoras? A velocidade atingida no teste permite que 18 filmes de alta definição (cerca de 1,5 GB) sejam baixados em um segundo cada.

Fora o baixo custo, uma das maiores qualidades da internet LiFi é a sua possibilidade de existir em qualquer fonte artificial de iluminação: basta uma delas com um microchip para que o sinal possa ser transmitido por todo um cômodo — criando ponto de acesso para cada uma das bilhões de lâmpadas existentes no mundo.
Fonte(s)
IB Times/ Anthony Cuthberson
Imagens
Thinkstock
Compart

Por: Multimidia Info

Navegue pela Data e encontre as Matérias em Ordem Cronológica.