Tweetar Post/Página

Britney Spears




Britney Jean Spears (McComb2 de dezembro de 1981)[2] é uma cantoracompositora,dançarina e atriz dos Estados Unidos. Britney já vendeu mais de 100 milhões de álbuns, 90 milhões de singles, e 40 milhões de DVD's,[3] segundo a Jive Records. Ela é a 8ª artista feminina que mais vendeu álbuns na história nos Estados Unidos, e 54ª no geral, com mais de 32 milhões de cópias vendidas no país.[4] E a 71º artista que mais vendeu discos na história. É vencedora de 308 prêmios, entre eles estão Grammy AwardsMTV Video Music Awards,MTV Europe Music AwardsAmerican Music AwardsBillboard Music AwardsWorld Music AwardsMTV Video Music BrasilTeen Choice AwardsNickelodeon Kids' Choice Awards, entre outros. É a 3º artista mais premiada da história, superada apenas por Michael JacksonWhitney Houston. Britney é a 3ª artista com mais álbuns em primeiro lugar na Billboard 200, e também a artista mais jovem a ter 6 álbuns estreando em primeiro.
Britney é a 3ª artista que mais vendeu álbuns nos anos 2000,com mais de 100 milhões de cópias vendidas na década, sendo 40 milhões de cópias com seus 3 primeiros álbuns dos anos 2000.[5]. É a cantora mais jovem da história a ganhar uma estrela na Calçada da Famade Hollywood, com apenas 21 anos.[6][7] É a única cantora à ter seus 7 álbuns consecutivos estreando no Top 5 da Billboard 200 (com 6 #1's e 1 #2)[8][9][10][11][12] É também (Junto aMariah Carey e Janet Jackson) a única artista na história do Nielsen SoundScan à ter 6álbuns debutando com mais de 200 mil cópias na semana de estréia.[13] Sua compilação B In The Mix: The Remixes (2005) é o 7º álbum de remixes mais vendido da história com 1.5 milhão do cópias. Foi por 9 anos consecutivos (1999 - 2007) a celebridade mais procurada na internet de acordo com os sites de busca Google e Yahoo! e o Guinness World Records.[14][15][16][17][18][19] Em 2000 Spears foi a mais jovem artista da história a vender 10 milhões de discos nos Estados Unidos, (já que seu álbum de estréia vendeu 14 milhões de cópias apenas no país) entrando na lista de recordistas de vendas dos Estados Unidos. Foi a mais jovem artista a conseguir o disco de diamante pelo mesmo número de vendas, com apenas 18 anos. E em 2011 Spears se tornou a mais jovem artista da história a colocar álbuns 6 álbuns em #1 na billboard 200, em 3 décadas consecutivas, com apenas 29 anos. Dentre seus grandes sucessos estão Baby One More TimeOops!...I Did It AgainI'm A Slave 4 UToxicPiece of MeWomanizer3 e Hold It Against Me. Em 2002 foi eleita pela Forbes a celebridade mais poderosa do mundo[20][21] e em 2003, como a mulher do ano pela Glamour Magazine.[22][23] Também foi eleita o terceiro maior ícone Pop de todos os tempos pela revistaPeople e pelo canal VH1,[24][25][26][27][28][29][30] como o ícone mais importante da cultura americana pela CNN.[31] Em 2004 foi eleita pela revista FHM a mulher mais sexy do mundo.[32][33] Em 2008 a BBC divulgou a lista dos 1000 artistas musicais mais populares do mundo e Britney ficou em 1º lugar.[34] Sua fortuna está estimada em cerca de 500 milhões dedólares segundo o site MSN, tornando-a a mulher mais rica do mundo com menos de 30 anos[35] e também a quinta cantora mais rica do mundo.[36] Também teve uma grande influência na moda ao popularizar no mundo o Jeans de cintura baixa, o Piercing de umbigo e o cabelo loiro.[37]
Sua primeira aparição em rede nacional foi no programa de talentos Star Search,[38] em 1992. Logo após, a então jovem artista recebeu um convite para integrar-se ao elenco da produção da Disney The Mickey Mouse Club. Britney participou do programa de 1993 a 1994,[39] quando os produtores decidiram encerrar a atração. Sendo assim, ela retornou para a cidade de Kentwood e levou uma vida normal até 1998, ano de lançamento de seu primeiro álbum, …Baby One More Time, que vendeu 25 milhões de cópias no mundo. Em maio desse ano, Britney e mais 60 cantoras irão receber uma homenagem no Rock and Roll Hall of Fame com uma sessão dedicadas especialmente para elas chamada "Women Who Rock: Vision, Passion, Power"

Biografia

1981 - 1998: Antes da fama e início da carreira

Britney Spears nasceu em McCombMississippi, e cresceu em KentwoodLouisiana. Filha de Jamie Parnell Spears, um contratante imobiliário, e Lynne Irene Bridges, uma professora primária, tem um irmão mais velho, Bryan, e uma irmã mais nova, a atualmente atriz e cantora Jamie Lynn. Spears sempre praticou ginástica, fazendo aulas do esporte até os nove anos de idade. Ela também participava de eventos de dança e cantava no coral da igreja. Aos oito anos, ela entrou para a Escola de Artes de Nova York. Nessa época, ela tentou uma vaga no elenco do programa The Mickey Mouse Club, do Disney Channel. Embora tenha sido considerada jovem demais para o papel, a menina ganhou um agente e passou três verões na Escola de Artes, além de aparecer em peças teatrais da off-Broadway, até que, em 1991, participou do musical Ruthless!. Em 1992, ela apareceu no programa de televisão Star Search, mas não foi até o fim da competição. Aos onze anos, Spears conseguiu a vaga no The Mickey Mouse Club, e participou do programa de 1993 a 1994, ao lado de seu futuro namorado Justin Timberlake e Christina Aguilera. Com o fim do programa, Spears voltou para Kentwood e cursou o colegial durante um ano.
Em 1998, Spears foi sondada para integrar grupos femininos mas optou pela carreira solo.[40] Mais tarde, no mesmo ano, gravou um demo solo e assinou um contrato com a Jive Records. Ela começou uma pequena turnê pelo país, que foi divulgada por revistas adolescentes, e passou a fazer, eventualmente, aberturas de shows para o 'N Sync e o Backstreet Boys. Britney estudou em uma escola até o que equivale ao 2º ano colegial no Brasil. O restante ela completou como home school, onde tinha aulas em casa.

1999 – 2000: Começo do sucesso comercial

Ver artigos principais: …Baby One More Time e Oops!… I Did It Again.
single "…Baby One More Time", saiu em 1998. O sucesso da canção fez com que Britney realizasse uma pequena turnê pelos shopping dos Estados Unidos, a chamada Hair Zone Mall Tour, ou simplesmente Mall Tour, e fizesse algumas apresentações de abertura do grupo 'N Sync até 12 de Janeiro de 1999 quando seu álbum de estreia, …Baby One More Time foi lançado e logo na primeira semana foi número um na lista de mais vendidos da Billboard 200 com mais de 125 mil cópias.
Deste álbum, além do sucesso "...Baby One More Time", saíram os singles "Sometimes", "(You Drive Me) Crazy", Born to Make You Happyna Europa e "From the Bottom of My Broken Heart" nos Estados Unidos e na América do Sul.
Em abril de 1999, com apenas dezessete anos, Britney foi capa da revista Rolling Stone, com fotos ao estilo Lolita. A polêmica estava criada, pois mostrava uma Britney mais provocante do que a que o público estava acostumado a ver.
No total, o seu álbum de estréia vendeu mais de 25 milhões de cópias no mundo.[41][42][43]
Em 2000, a cantora incluiu "The Beat Goes On", um cover da cantora Cher, que gravou para seu álbum de estreia, na turnê promocional do álbum e também a performou no World Music Awards de 1999, usando uma peruca negra com franja, numa alusão ao cabelo de Cher nadécada de 1960.[44]
Em maio de 2000, a cantora lançou seu segundo disco, "Oops!… I Did It Again", que vendeu mais de 1,319 milhão de cópias apenas na primeira semana, quebrando o recorde de álbum feminino mais vendido na primeira semana, e estreando em primeiro lugar de vendas novamente. O CD foi gravado em apenas dois meses, pois os produtores acreditavam que Britney não podia se afastar da mídia. Nesteálbum, a cantora lançou também os singles: "Lucky", "Don't Let Me Be The Last To Know" e "Stronger"
No palco, ela veio explorando figurinos e coreografias cada vez mais sensuais e explícitas. Ela chegou ao Brasil em janeiro de 2001 como a maior estrela do Pop adolescente da noite do festival Rock in Rio, com sua tour mundial "Oops!... I Did It Again World Tour". A cantora chegou a cidade por volta de 12h00 do dia 16 de Janeiro de 2001 no Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim. Ela entrou pela garagem do hotel Intercontinental, em São Conrado, cercada por um forte esquema de segurança composto de pelo menos quatro carros. O show foi o de maior público da carreira da Britney, com cerca de 290 mil pessoas presentes. Ainda no Brasil, visitou com Justin Timberlake a boateStudio 54, no New York City Center, na Barra da Tijuca.
No total, "Oops!... I Did It Again" vendeu mais de 15 milhões de cópias no mundo, sendo que quase 1,5 milhão de álbuns foram vendidos apenas na semana de lançamento.[41][45][46][47][48][43]
Em 2009, a Billboard divulgou a lista dos álbuns mais vendidos da década, onde Oops!... I Did It Again ficou em #6 e apesar de ter sido lançado no final da década de 1990, ...Baby One More Time conseguiu figurar no Top 100, ocupando a #81 colocação.

2001 - 2004: Amadurecimento musical e reconhecimento mundial

Performando Me Against the Music no NFL Kickoff Live 2003.
Em novembro de 2001, Britney lançou o seu terceiro álbum de inéditas, chamado simplesmente Britney, que levou esse nome porque diferente dos dois primeiros, "Britney" não era algo controlado por sua gravadora, e sim algo totalmente planejado por Spears. "Britney" alcançou 745 mil cópias vendidas na semana de lançamento, tornando-se a primeira cantora a estrear seus três álbuns de inéditas em primeiro lugar. O primeiro single do álbum, "I'm A Slave 4 U", chocou o mundo com um videoclipe mostrando uma Britney mais madura e provocativa. E também contou com mais quatro singles: "I'm Not A Girl, Not Yet A Woman" (lançado na trilha sonora do filme "Crossoards" o qual ela protagonizou) "Overprotected", "Boys", e "I Love Rock N' Roll". Também foi lançado "Anticipating" no Brasil e na França e "That's Where You Take Me" nas Filipinas.
A turnê de divulgação do "Britney" previa uma passagem pelo Rio de Janeiro, porém devido aos ataques de 11 de Setembro, a equipe da cantora decidiu cancelar a turnê promocional do álbum. Retomada em fevereiro de 2002 a "Dream Within a Dream Tour", estimada em 18 milhões de dólares em equipamentos, com todos os ingressos esgotados antes do primeiro espetáculo. A turnê teve um show em Las Vegas que foi posto em DVD: "Live From Las Vegas".
No total, "Britney" vendeu mais de 15 milhões de cópias no mundo.[41][49][50][51] Em 2002, após o término do namoro de quatro anos com o cantor Justin Timberlake,[52] declarou que tiraria férias de 6 meses, devido a carga de shows cansativos, período usado para gravar o 4º álbum de estúdio, "In The Zone".
Durante a performance de abertura do VMA 2003, ela e Christina Aguilera cantaram trechos de Like a Virgin vestidas de noiva, para homenagear os 20 anos do VMA e os 20 anos de carreira de Madonna, vestida de noivo. Britney e Christina beijaram Madonna na boca, fazendo com que a performance recebesse extrema atenção da mídia mundial, sendo notícia de abertura de vários telejornais internacionais e capa de várias revistas. Foi nos bastidores desta atuação, que Britney mostrou a canção "Me Against The Music" (apenas vocalmente) e perguntou a opinião de Madonna, que disse a Britney que deveriam fazer algo juntas, então ela convidou Madonna para fazer o dueto.
Em novembro de 2003, com colaboração de Moby e R. Kelly, Spears lançou o álbum In The Zone, que diferenciou-se dos anteriores pelo seu caráter erotizado e por um forte amadurecimento de sua faixas, que se distanciavam de sua vida pessoal. Mais uma vez estreando no topo da Billboard com 609 mil CDs vendidos na semana de lançamento, Britney quebra o próprio recorde, por ser a única artista feminina a ter quatro álbuns consecutivos estreando em primeiro lugar.
Britney está mais madura musicalmente, explorando sons mais PopR&B e Urban, e, dessa vez, usufruindo abusivamente da sensualidade, com canções como "Touch of My Hand" - canção que fala a respeito de masturbação -, "I Got That (Boom Boom)", e "Breathe On Me". O primeiro single do disco, Me Against The Music, dueto com Madonna, recebeu uma recepção fria por críticos, ainda assim, a música consegue ir para o topo da paradas em vários países do mundo. O segundo single do álbum, "Toxic", lhe rendeu a conquista seu tão almejado Grammy de melhor gravação dance.
Britney Spears, em seguida, lança o single Everytime, uma canção de sua autoria, que também se tornou um sucesso internacional. A lesão no joelho durante as filmagens para o videoclipe de Outrageous (canção escrita por R. Kelly), em colaboração com Snoop Dogg, força para o cancelamento do fim de sua turnê, The Onyx Hotel Tour. Naquela época, ela é uma das cantoras mais bem pagas do mundo, e sua fortuna foi estimada pela revista Forbes ao equivalente de mais de 180 milhões dólares.
Britney casou-se com seu amigo de infância Jason Allen Alexander, no dia 3 de Janeiro de 2004.[53][54][55] No dia seguinte seus advogados entraram com um pedido de anulação da cerimônia. Com isso, o casamento durou apenas 55 horas.[56][57]
A turnê teve que ser interrompida após um incidente durante as gravações do clipe da canção Outrageous, onde ela acabou fraturando o joelho sendo submetida a uma cirurgia e repouso domiciliar por oito meses. Do clipe Outrageous que acabou por não ser terminado, restam algumas cenas que podem ser vistas no DVD "Greatest Hits: My Prerogative", que mostra Britney saltando em cima do rapper americano Snopp Dogg que estava jogando basquete num campo.
Britney chegou ao Rock in Rio Lisboa, no dia 5 de Junho de 2004, como uma das estrelas mais aguardadas da noite. Porém o som do playback parou quase no fim da canção Toxic voltando poucos segundos depois. Sua apresentação foi muito criticada. Foi sua primeira atuação em Portugal. O playback foi uma constante em quase toda a carreira de Britney mas foi na "The Onyx Hotel Tour", que quase todas as faixas do show eram playback. Nesta turnê houve um show em Miami que foi considerado o melhor, mas não fizeram dele um DVD.
No total, o "In The Zone" vendeu mais de 10 milhões de cópias no mundo.[41][58][59][60][61][62][63][64][65][66]
Em 2009, na lista dos álbuns mais vendidos da década divulgada pela Billboard, mais duas vezes, encontra-se Britney na lista dos 200 mais vendidos, com o álbum Britney ocupando a posição #64 e o In The Zone a posição #143.

2005–2007: Álbuns de compilação

Durante esse período, lançou a coletânea "Greatest Hits: My Prerogative", que continha três faixas bônus, duas das quais se tornaramsingles, "My Prerogative" em 2004 e "Do Somethin'" em 2005. A outra faixa bônus, "I've Just Begun (Having My Fun)", não se tornou singlemas teve um enorme sucesso na biblioteca de vendas do iTunes. Ela coreografou e co-dirigiu o clipe de Do Somethin' usando o psêudonimo de Mona Lisa para diferenciar a cantora de quem dava ordens no set.[67][68]
No total, o "Greatest Hits: My Prerogative" vendeu mais de 8 milhões de cópias no mundo.[41][69][70]
Ainda em 2005 lançou o "B In The Mix: The Remixes". A compilação continha alguns de seus sucessos remixados e o novo single, "Someday (I Will Understand)", também em versão remixada. O álbum acabou fazendo mais sucesso do que o esperado e foi eleito pela BMG "o álbum sem promoção com melhor resultado dos últimos 20 anos".[71] A faixa bônus "And Then We Kiss" (que não foi single) fez muito sucesso em Israel, a música ficou no primeiro lugar da rádio mais popular do país e foi tocada por inúmeras semanas.[72] Britney também foi convidada para fazer o filme "Os Gatões",[73] porém recusou o convite por estar grávida e Jessica Simpson foi escolhida para o papel. Numa entrevista, Britney disse que adorou ver o filme com Jessica, elogiando-a.
No total, o "B In The Mix: The Remixes" vendeu mais de 1,5 milhão de cópias no mundo.[41][74][75]
Após a sua separação com Kevin Federline, Britney lança um DVD chamado Britney & Kevin: Chaotic, que retrata o seu amor com Kevin desfeito. Também mostra Britney cantando ópera e a sua música nova "Someday (I Will Understand)" (que posteriormente, foi totalmente ignorada pelo público). Todavia em 2006, após a confusa separação do marido Kevin Federline, Britney começou a se envolver em escândalos ainda maiores.
Ela chegou a sair diversas vezes à noite com Paris Hilton e Lindsay Lohan, onde foi apanhada duas vezes sem calcinha, fazendo com que a cantora fosse duramente criticada. O auge dos problemas foi quando raspou a cabeça e se internou em uma clínica de reabilitação em 2007.

2007: Começo da volta por cima

Em primeiro de maio de 2007, Britney fez a mini turnê "The M+M's Tour", onde se apresentou na Flórida e Califórnia. Tratava-se de pequenos shows para um número limitado de pessoas, contando com alguns de seus maiores sucessos (…Baby One More TimeI'm a Slave 4 UDo Somethin'Breathe On Me e Toxic). No dia 1 de maio de 2006, Britney andava em Santa Monica, CA com um vestido idêntico a Marilyn Monroe, no filme O Pecado Mora ao Lado (The Seven Year Itch). Um ano depois, no dia 1 de maio de 2007, curiosamente é vista com o mesmo vestido à Marilyn Monroe e a mini turnê The M+M's estreou. Suspeita-se que dai vem o nome da mini tour M+M's (Marilyn + Monroe).
A canção Umbrella foi escrita para Britney, que por sua vez a recusou dizendo não ser seu estilo. No dia 30 de Agosto de 2007, a cançãoGimme More foi tocada pela primeira vez por uma rádio norte-americana. Gimme More foi o primeiro single do quinto álbum de estúdio da cantora. Seu retorno oficial foi no Video Music Awards da MTV norte-americana no dia 9 de Setembro de 2007, porém, foi muito criticada porque estava tensa, fora de forma e nervosa revelando uma postura pouco entusiasmante. Britney cantou um pouco da canção "Trouble" deElvis Presley e o novo Single Gimme More.
A canção "Gimme More" foi lançada oficialmente no dia 18 de setembro de 2007, e ficou em primeiro lugar em nove países na loja digitaliTunes, sendo esses países Estados UnidosCanadáReino UnidoFrançaAlemanhaIrlandaAustráliaLuxemburgo e Nova Zelândia. Em meados de setembro de 2007Gimme More saltou de #68 para #3 na Billboard Hot 100, parada musical mais importante do mundo. Também atingiu #16 na parada das músicas mais executadas nos Estados Unidos, sendo superado depois por Piece Of Me, que chegou a #1. Mas também devemos lembrar que a alguns anos atrás, a Billboard passou a contar como referência a parada de downloads digitais também, o que, se tivesse acontecido antes, hits como Toxic ou Oops!… I Did It Again provavelmente teriam chegado a #1.
videoclipe de "Gimme More" foi lançado no dia 5 de outubro de 2007, no iTunes, onde Britney era duas personagens, uma Stripper morena e a mulher loira que fica apenas observando-a dançar. O lançamento do álbum foi no dia 30 de outubro de 2007, e em menos de 24 horas de vendas, alcançou o 1º lugar em cinco países.
O álbum Blackout recebeu diversos elogios, que vão de "Este álbum é melhor do que qualquer coisa que Gwen Stefani já fez" até "Neste álbum não tem mais canções bonitinhas, como I'm Not a Girl Not Yet a Woman". Um crítico chamou-o de "Um triunfo" e a BBC decretou: "É uma obra-prima". O site britânico PopJustice, especializado em cultura pop, disse que o quinto álbum da Britney "É realmente brilhante" e de acordo com o jornal britânico Times Online "A cantora já tem um bom motivo para voltar a sorrir porque o novo álbum é bem mais coerente que os recentes sucessos de seus colegas do Clube do Mickey, Justin Timberlake e Christina Aguilera. As músicas Perfect Lover e Toy Soldier são simplesmente duas das mais belas canções que já apareceram em qualquer CD lançado esse ano". Infelizmente foi o único álbum da cantora que não estreou em #1 na Billboard 200. Isso porque, minutos antes do fechamento de contabilizações, a Billboardalterou as suas regras de contabilização de charts. Britney acabou ficando em #2 com mais de 290 mil cópias vendidas, perdendo apenas para o álbum do grupo veterano EaglesLong Road Out of Eden, que custava apenas 3 dólares.[76]. Porém, mesmo que "Blackout" recebesse uma massiva divulgação, como aconteceu com o In the Zone, seria pouco provável que a cantora ultrapassasse o grupo, tendo em vista que, este é o primeiro álbum de inéditas dos Eagles depois de 28 anos e custava apenas 3 dólares.
O quinto álbum de inéditas da Britney vendeu aproximadamente 690 mil cópias em duas semanas, um excelente número, tendo visto que nos últimos tempos tem sido muito difícil vender uma quantidade de cópias tão boas quanto em 1999, já que há pirataria dos álbuns, principalmente pela internet. Em Portugal, o álbum estreou em #10 no Top 30 Nacional de Vendas, de acordo com a Associação Fonográfica Portuguesa.
O 2º single "Piece of Me" fez um grande sucesso por todo o mundo e manteve-se no topo do TRL americano. O clipe foi feito em 2 dias e foi o mais caro da história de Britney depois de "Toxic". Foram usadas várias modelos parecidas com Britney que são atacadas por papparazis. Ela também coreografou o videoclipe de Piece of Me, só que dessa vez não usou psêudonimos.
"Blackout" foi eleito o melhor álbum de 2007 segundo enquete feita no site da Billboard[77][78] e segundo enquete feita no site terraespanhol.[79] O álbum ganhou o prêmio de "Melhor Álbum Internacional" na edição de 2008 do NRJ Music Awards, na França.[80][81]Também ficou entre os 50 melhores álbuns de 2007 segundo a Rolling Stone[82] e Piece of Me ficou na #15 posição na lista das 100 melhores músicas de 2007 da Rolling Stone.[83] No Brasil, o álbum ficou na lista dos 10 melhores álbuns de 2007.[84][85]
O terceiro single intitulado "Break The Ice", fez muito sucesso e estreou na parada americana de clipes (TRL) em oitavo lugar. Também bateu todos os recordes da Hit list da MTV de Portugal, ficando em #1 duante toda a sua estadia na contagem, passando o recorde do Tokio Hotel.[86][87] Ainda na Hit List, Piece of Me foi o primeiro vídeo do programa a começar em #1 e a acabar em #1.
Britney gravou uma participação especial no seriado How I Met Your Mother que foi ao ar nos Estados Unidos no dia 24 de março de 2008, pelo canal CBS.[88] Devido ao sucesso e aos elogios da crítica,[89] gravou outra que foi ao ar no dia 12 de maio.[90][91] Os episódios tiveram tanto destaque que Britney foi capa da TV Guide apenas pela participação.[92] A primeira participação de Britney levou a série a melhor pontuação desde sua criação e de acordo com o site FormulaTV, o segundo episódio onde Britney aparece na série chegou a ficar em terceiro lugar na corrida pela audiência americana sendo vista por mais de 9 milhões de telespectadores.[93] Britney recebeu o prêmio de "O mais recente na TV" no TV.com Awards por sua participação na série How I Met Your Mother[94] e uma indicação ao People's Choice Awards na categoria "Favorite Scene-Stealing Guest Star" (estrela favorita por roubar a cena).[95]
No mês de Junho de 2008, Britney gravou uma participação especial no clipe When I Grow Up das Pussycat Dolls.[96][97] Segundo o diretor do vídeo, Joseph Kahn, foi uma participação pequena mas bem interessante. A participação de Spears, tinha o objetivo de aumentar a popularidade da música, só que a participação de Britney foi cortada na edição final.[98][99]
Britney fez participações especiais na turnê da MadonnaSticky & Sweet Tour, em 2008. A participação consistia em um vídeo com a imagem de Spears, que foi introduzido num telão gigante enquanto Madonna cantava Human Nature. O vídeo mostrava Britney num elevador fechado, que acabava ficando desesperada. No fim da canção podia-se ouvir Britney dizendo It's Britney b****!.[100][101][102]
No dia 7 de Setembro de 2008 apresentou-se no VMA, abrindo a cerimônia. Britney também se destacou por ganhar todos os 3 prêmios em que foi indicada, incluindo Vídeo do Ano por "Piece of Me".[103][104][105][106]
SonyBMG fez uma lista com seus artistas que mais ganharam fãs na atualidade. O álbum Blackout fez Spears ganhar cerca de 817 mil fãs a mais em todo o mundo.
No total, o "Blackout" vendeu mais de 3,6 milhões de cópias no mundo.[107][108][109]

2008 – 2009: Um recomeço e conservadorismo na vida pessoal

Britney durante a performance de Piece of Mena The Circus Starring Britney Spears.
Uma rádio americana teve que pagar 250 mil dólares pela exibição prematura da música "Womanizer".[110] No dia 26 de Setembro de 2008, estreou nas pricipais rádios estadunidenses o novo single de Spears, intitulado Womanizer. A crítica elogiou a nova música dizendo ser madura e consistente.[111][112] Em busca de levar o novo single da Britney, "Womanizer", ao topo das paradas logo na sua primeira semana, os fãs do mundo inteiro se mobilizaram a fazer um download day no dia 7 de outubro de 2008, o dia exato que o single foi disponibilizado no iTunes.[113] A música alcançou o sucesso imediato quebrando vários recordes na Billboard Hot 100,[114] entre eles, o maior salto para a primeira posição (da 96ª posição para o 1º lugar) e a maior estreia de vendas digitais de uma artista feminina (+286 mil). No Brasil, a música ficou em #1 no Hot 100 Singles por quatro semanas consecutivas.[115]
Britney participou do show de Madonna em Los Angeles, no estádio dos Dodgers, na quinta-feira 6 de novembro de 2008. Na Sticky & Sweet Tour, elas cantaram a música Human Nature.[116][117][118] No mesmo dia aconteceu o MTV Europe Music Awards e Britney mais uma vez foi a grande campeã, levando os prêmios de álbum do ano por "Blackout" e artista de 2008.[119][120][121][122] Como Britney não pode ir, agradeceu por dois vídeos gravados.
No dia 16 de novembro de 2008 foi ao ar na MTV americana o último programa do Total Request Live. O programa encerrou presenteando o clipe de "…Baby One More Time" como o clipe mais influente de toda a história do TRL.[123]
A crítica recebeu bem o sexto álbum da Britney. O site PopJustice publicou uma review do promo do álbum "Circus": "É o Blackout 2.0, isso são boas notícias já que Blackout foi um grande álbum, mas parece incluir muito mais exibicionismo. Nós provavelmente daremos uma nota 7/10, mas é difícil predizer um álbum da Britney".[124] A Rolling Stone declarou: "O aventureiro pop e cluber de seu sexto álbum teria sido uma ótima continuação do In the Zone de 2003. Os produtores de Toxic, Bloodshy & Avant, fazem parte do projeto novamente com a melódica e brilhante Unusual You. A produção de Max Martin em If U Seek Amy é atrevida e divertida e a faixa ofensiva à paparazzi Kill the Lights retoma a sintona do Blackout. Este será o álbum que marcará o seu status de lendária". Veredito: 3 estrelas e meia de 5 (o mesmo ganho pelo "Blackout" e superior ao "Britney" de 2001).[125][126] O Site Metacritic.com, que reúne resenhas críticas de muitas fontes, atribuiu a "Circus" um "escore global de 66 (sendo o máximo possível 100)". O New York Times disse que "suas novas canções são dance-pop esperto e refrescante".[127] A Billboard também fez um review de "Circus": "Da abertura com Womanizer para a canção de arrependimento Blur, Circus dá ao pop um significado totalmente novo, conforme a cantora faz um trabalho duplo como uma diva do dance e uma melancólica de coração partido. Essa não é uma mistura fácil, mas quando Spears deixa de lado o trauma de tablóides e se junta com os produtores certos - nesse álbum são Guy Sigsworth, Danja, Dr. Luke e Max Martin - ela está em seu território. Se os censores ouvirem cuidadosamente o jogo de palavras marcante no refrão de If U Seek Amy, poderia ir além dos clubes para a rádio".[128]
Em 27 de novembro Britney voltou aos palcos para fazer mais um marco em sua carreira com a era "Circus". Na cerimônia de premiação doBambi Awards, em Offenburg na Alemanha, Britney cantou a música "Womanizer" e recebeu o prêmio de "Melhor Popstar Internacional".[129][130][131]
Em 28 de novembro Britney se apresentou no programa francês Star Academy cantando a música "Womanizer". Ela também foi homenageada pelos participantes que cantaram "…Baby One More Time" e "Oops!… I Did It Again". Britney conseguiu 25,8% da audiência dos franceses com um total de 5,64 milhões de telespectadores. Esta foi a maior audiência do programa nesta temporada, onde seu ibope aumentou em nada menos que 710 mil telespectadores comparando à semana passada. O programa que trouxe Spears a França, foi o programa mais assistido entre os jovens de 15 a 34 anos, conseguindo um total de 34% de audiência entre eles. Mas não foi só na televisão que Britney quebrou recordes, ela também oteve sucesso na internet. Mais de 100 mil pessoas acompanharam a aparição da cantora através do site do programa e mais de 50 mil pessoas acompanharam através do MSN Videos.[132]
Em 29 de novembro Britney se apresentou no programa britânico X Factor cantando "Womanizer". Os participantes cantaram vários hits da carreira da Britney: "Toxic", "Sometimes", "I'm Not a Girl, Not Yet a Woman" e "…Baby One More Time". Além de ser uma semifinal, o programa que trouxe Spears teve um aumento de audiência de 9,48 milhões de telespectadores, mais de 50% do que em toda sua temporada além de obter a maior audiência de todas as temporadas.[133]
Britney conseguiu alavancar a audiência tanto do "Star Academy", ao que cantou na sexta-feira na França[132] quanto do "X-Factor" no Reino Unido que contou com a participação da cantora no Sábado.[133]
Em 1 de dezembro foi ao ar na MTV americana o documentário "Britney: For the Record". Antes do documentário foi exibido um programa especial que fez uma contagem regressiva para o "For The Record" e exibiu alguns momentos marcantes da carreira da Britney, onde ela comentava sobre eles durante a exibição no telão. Os fãs foram convidados para participar desse especial.[134] O documentário foi assistido por mais de 3.7 milhões de pessoas de acordo com a assessoria do canal a cabo. Esse número é bastante alto para a MTV.[135] Na Suéciao documentário teve um final diferente, que mostrou Britney e a sua equipe no campo, também mostrando-a dirigindo seu carro.[136]
Britney Spears no lançamento de Circus em seu 27º aniversário.
Também em 2008, Britney lançou seu sexto álbum de inéditas chamado "Circus". A data de lançamento foi no dia do seu aniversário de 27 anos, em 2 de dezembro.
Em 2 de dezembro, no dia de seu aniversário, Britney se apresentou no Good Morning America cantando "Circus" e "Womanizer".[137] Dentre as apresentações de Spears, celebridades como Reese Witherspoon,John TravoltaNicollette SheridanTeri Hatcher e Hugh Jackman, desejaram feliz aniversário à cantora. "Você está demais!", disse Witherspoon, "E eu espero que você tenha um grande dia!". A cantora countryTaylor Swift adiciona: "Você está oficialmente demais para seus 27 anos!".[138]
O sexto álbum da Britney, "Circus", chegou ao topo da lista dos CDs mais baixados legalmente via internet pelo portal iTunes, da Apple. "Circus" em sua versão deluxe, que inclui bonus tracks como "Rock Me In" e "Phonography" além de um DVD com o making off do álbum e o clipe de "Womanizer", ultrapassou o bem sucedido CD 808s & Heartbreak de Kanye West e se estabeleceu em #1. A versão normal de 13 faixas também está no ranking em #13.[139] Após menos de um dia de sua disponibilização no iTunes, o vídeo de "Circus" já era o clipe mais baixado no portal da Apple e "Womanizer" se manteve na lista dos vídeos mais baixados em #5.[140]
Britney possui a maior venda de 2008 no primeiro dia, batendo Taylor Swift com mais de 219 mil cópias[141] e conseguiu a segunda melhor vendagem feminina de 2008 em sua semana de estreia, ficando atrás somente de Taylor Swift, que debutou semanas atrás com quase 600 mil cópias.[142]"Circus" vendeu mais de 505 mil cópias nos Estados Unidos na semana de estreia, fazendo Spears a única artista na história do Nielsen SoundScan (que monitora as vendas de música nos últimos 17 anos) à ter quatro álbuns debutando com 500 mil ou mais. Dentre as artistas femininas, apenas quatro conseguiram mais álbuns #1: Barbra Streisand (oito), Madonna (sete), Mariah Carey e Janet Jackson(ambas com seis). Na Billboard Hot 100, Spears consegue sua primeira estreia no top 10 quando a faixa título do CD, "Circus", estreia em #3. A canção estreia ainda em #1 no Hot Digital Songs com mais de 212 mil downloads.[143] Com seu single #1 "Womanizer" em #10 no Hot 100, Spears consegue duas faixas no top 10 da parada simultaneamente pela primeira vez em sua carreira. A surpresa ficou por conta de "Shattered Glass" (#70) e "If U Seek Amy" (#86), duas faixas não lançadas oficialmente como single e que adentraram no top 100 da Billboard devido ao excelente número de downloads.[144][145][146]
Na United World Chart, embora não tenha conseguido o #1, o sexto álbum de estúdio da princesa do pop estreou em #2 com exatas 814 mil cópias vendidas. Essa é a maior vendagem de uma artista feminina ao redor do mundo em sua primeira semana de 2008.[147] O álbum foi #1 nos Estados Unidos, no BrasilCanadáJapãoMéxico e Suíça, segundo a Jive Records. E figurou entre os Top 10 em sete outros países, incluindo a Grã-Bretanha, onde estreou em #4.[148] Na mesma semana, Britney também conseguiu emplacar dois singles no Top 10 da United World Chart simultaneamente: "Womanizer" em #1 e "Circus" debutando em #8.
Em 15 de dezembro, Britney se apresentou no programa japonês Hey Hey Hey cantando o hit "Womanizer". Spears também fez uma pequena entrevista e pudemos rever momentos da cantora no programa, além de cenas de clipes antigos.[149] Em 16 de dezembro, Britney se apresentou na premiação japonesa NTV Best Artist 2008 cantando "Womanizer".[150]
Britney Spears em apresentação da turnê The Circus Starring: Britney Spears, em Boston.
Repetindo o feito do "Blackout", "Circus" foi eleito o melhor álbum do ano segundo enquete feita no site daBillboard.[151][152]
Spears em apresentação da canção Womanizer
O hit "Womanizer" chegou ao #1 no Mediabase com mais de 78 milhões de audiência, sendo o quarto single a chegar ao topo.[153] Os outros foram "…Baby One More Time", "Oops!… I Did It Again" e "Toxic".
Mediabase elabora uma parada musical com base na análise e monitoramento de aproximadamente 2.000 estações de rádio dos Estados Unidos e Canadá.
Após 3 semanas, Britney chegou ao topo da lista dos CDs mais vendidos em todo o mundo com "Circus". Foram duas semanas em #2 e agora, a princesa do pop enfim chega ao topo. "Circus" vendeu 412 mil cópias ao redor do mundo esta semana, e totalizou mais de 1,6 milhão vendidos desde seu lançamento.[154] "Circus" vendeu 3,5 milhões de cópias no mundo apenas na primeiras 6 semanas de vendas e ficou por quatro semanas consecutivas como o disco mais vendido no mundo.[155]
Britney ganhou dois prêmios no NRJ Music Awards 2009, na França, de melhor artista feminina internacional e vídeo do ano por "Womanizer".[156][157]
No dia 3 de março de 2009, na New Orleans Arena em Nova Orleans nos Estados Unidos, Britney começou a sua 5ª turnê mundial The Circus Starring: Britney Spears. Esta é a primeira turnê mundial da Britney desdeThe Onyx Hotel Tour que ocorreu em 2004. A turnê percorrerá a América do Norte e Europa em suas primeiras datas. O nome da turnê faz referência a como eram anunciadas as grandes atrações circenses de antigamente.
"Circus" alcançou o #1 no Mediabase, tornando-se a quinta música da Britney a alcançar o primeiro lugar. A música está com um total de mais de 76 milhões de audiência.[158][159][160]
Britney ganhou o prêmio de melhores movimentos em um vídeo por "Circus" no MTV Australia Awards 2009.[161][162]
Em abril de 2009, Spears declarou o seu apoio para o casamento entre pessoas do mesmo sexo para a mídia, após o controverso incidente ocorrido durante o Miss E.U.A. onde a contestante Carrie Prejean, representando a Califórnia, manifestou a sua desaprovação sobre uniões entre pessoas do mesmo sexo. A mensagem deixada por Spears em seu Twitter foi "Amor é amor! As pessoas deveriam poder fazer aquilo que as deixam felizes!".[163][164]
Britney foi eleita a quarta mulher mais sexy do mundo na lista da revista FHM em 2009.[165] Britney já ocupou o topo da lista em2004.[166][167]
Após anos de ausência, a revista Forbes listou Spears como a décima terceira celebridade mais poderosa do mundo por ter lucrado mais de 25 milhões de dólares entre junho de 2008 e junho de 2009.[168] Entre as celebridades com menos de 30 anos, Britney ficou com a quarta posição. Britney já ocupou o topo da lista em 2002.[169][170]
Em junho de 2009, foi confirmado que Spears está namorando seu agente Jason Trawick.[171]
turnê The Circus Starring: Britney Spears tornou-se a turnê mais lucrativa de 2009 até o momento,[172] lucrando mais de 24 milhões dedólares nos seus 13 primeiros shows.[173] Até o momento a turnê já lucrou, em sua primeira etapa na América do Norte, 61.576.699 dedólares com um público de 619.311 pessoas, o que corresponde a 100% dos ingressos vendidos.[174]
Segundo o Pollstar Box Office Department, a Circus Tour é a turnê que mais arrecadou até o momento nos Estados Unidos. Com 37 shows em 30 cidades, a primeira parte da turnê em território norte americano teve todos os ingressos vendidos. A média do valor dos bilhetes ficou em 99,29 dólares, com um total bruto arrecadado de 61,5 milhões de dólares. Já no ranking mundial, Britney ocupa a 3ª posição até o momento, totalizando a arrecadação da Circus Tour em 74,6 milhões de dólares, com 48 apresentações. Lembrando que foram considerados apenas 11 shows fora dos Estados Unidos, já que a contagem contempla apenas os shows feitos no primeiro semestre deste ano. A Circus Tour foi idealizada e planejada, com toda a sua estrutura de palco, para ser realizada em arenas fechadas. E mesmo com shows nessas arenas, que no geral possuem uma capacidade máxima para comportar até 20 mil pessoas, Britney consegue manter bons números na arrecadação.[175][176]
Em 2009, o "Hot 100 Brasil" divulgou a lista das músicas mais tocadas no país. Britney foi a mais ouvida pelos brasileiros com a cançãoCircus que ocupou o #1. If U Seek Amy ficou em #22, Womanizer figurou em #39, Radar ficou em #53, e até "3", carro-chefe do The Singles Collection, foi a #38 música mais tocada do Brasil.
Britney ganhou o prêmio de melhor vídeo pop por "Womanizer" no VMA do mesmo ano.
Em 11 de Dezembro de 2009, a Billboard divulgou várias listas dos que mais venderam na década. Britney foi a artista feminina que mais vendeu álbuns. Circus foi o 23° álbum mais vendido da década digitalmente, e os singles Womanizer e Circus ocuparam a #29 e #45 respectivamente.
The Circus Starring: Britney Spears foi eleita pelo "All Headline News" como a Melhor Turnê de 2009.
No Total, 2009 foi o ano mais premiado da carreira de Spears, onde ela ganhou 89 prémios. E Circus vendeu 4.5 milhões de cópias no mundo.

2009: The Singles Collection e os 10 anos de carreira

Durante os seus 10 anos de carreira, Britney teve seis álbuns no primeiro lugar da Billboard Top 100 Albums Chart, assim como 23 hits no Top 40 do Billboard Pop Singles Chart. No mundo, Britney é uma das artistas que mais vendeu discos na última década, constantemente liderando as paradas de sucesso com os álbuns …Baby One More Time (1999); Oops!…I Did It Again (2000); Britney (2001); In The Zone (2003); Blackout (2007) e Circus (2008). Ao todo, ela já vendeu no mundo cerca de 100 milhões de cópias.[177]
Em setembro de 2009 é noticiado, através de seu Site Oficial que será lançado sua segunda coletânea, chamada The Singles Collection e no dia 29 de setembro de 2009 chega nas rádios do mundo inteiro seu novo single, carro-chefe de sua nova coletânea, denominado "3" (three), na música, Spears alterna para uma batida forte e uma letra - criada por Max Martin - bem extrovertida. Em "3", é citado no nome de um famoso grupo musical, Peter, Paul & Mary ou PP & M. A música fala sobre o trio fazendo sexo a três, mas a música não fala apenas isso! Com uma batida forte e chamativa, "3" em poucas horas vira uma febre no mundo inteiro. Nessa mesma época é finalizada a terceira parte da turnê The Circus Starring: Britney Spears que foi finalizada em Las Vegas, com uma suposta gravação de DVD, mas nada foi concreto. Outubro, Britney fica de férias da turnê, provavelmente, para divulgar sua coletânea e o novo single, mas logo depois volta com a turnê na Austrália.
Britney ganhou pela primeira vez o prêmio de Artista Internacional do Ano no MTV Video Music Brasil 2009.[178]
E em clima de comemoração, não apenas pelos 10 anos de carreira de Britney, mas também pelo final da década, Britney foi eleita peloPopEater.com a Artista da Década, foi eleita também a Artista mais influente da Década pelo VH1, além de ser a artista mais tocada de2009, na principal rádio de Nova York, a Z100.
Em Dezembro de 2009, o site Ask.com, publicou a lista dos termos mais procurados da década, e Britney ficou no 1°lugar.
O jornal Los Angeles Times realizou uma lista dos artistas que mais arrecadaram ao longo da última década, somente nos Estados Unidos. Foi tido em conta os ganhos nas vendas de bilhetes nas digressões e nas vendas dos álbuns, não incluindo outros, como filmes, publicidade, merchandising, direitos de imagem, etc. Britney Spears encontra-se na 10ª posição da lista, com 494,3 milhões de dólares ganhos nos últimos dez anos. Desta quantidade, $195,7 milhões foram as entradas para os concertos (não incluíndo merchandising), e $298,6 milhões correspondem à venda de álbuns. Britney é a artista mais jovem e a 2ª artista feminina da lista, sendo superada por Celine Dion.

2011: Femme Fatale

Em novembro de 2009, a Jive afirmou que Spears estava planejando seu 7° álbum de estúdio. Eles também afirmaram os colaboradores que ela estava trabalhando. Um dos produtores do álbum, Jon Asher, comentou ao New York Post que o próximo álbum de Britney, irá apresentar a epopéia de gênero Pop, um gênero que "não é o seu quotidiano som pop love bug. Seus ritmos otimista e sons com significado emocional letras que as pessoas podem sentir. Algo que realmente o move". Em 2 de dezembro de 2010, no aniversário de Britney, a própria disse em seu twitter que está amando seu novo álbum e que ele será lançado em Março de 2011. O primeiro single do álbum foi lançado oficialmente no dia 11 de janeiro e bateu vários recordes, o single ficou em #1 lugar em mais de 20 países no dia de lançamento, "Hold It Against Me" foi no momento a música mais tocada nas radios dos EUA em seu primeiro dia de estréia, batendo o recorde que pertencia aMariah Carey (e sendo posteriormente superado um mês depois, pela canção "Born this Way", de Lady Gaga).
O título e a capa do novo álbum foram divulgados dia 2 de fevereiro de 2011 através do Twitter oficial de Britney. No dia 11 de fevereiro Britney fez uma seção de perguntas e respostas com os fãs no Twitter, onde fez varias revelações sobre o álbum e sobre onde planejava passar com a turnê do álbum. O clipe de Hold It Against me é liberado dia 17 de Fevereiro, chamando a atenção da mídia mundial. O segundo single foi lançado em 4 de março de 2011 depois que a versão completa da música vazou, "Till the World Ends" foi escrita por Kesha e produzida por Dr. LukeMax Martin e Billboard, chegou a #9 posição na principal parada musical dos EUA, e na #3 posição em vendas digitais.
Femme Fatale vazou na Internet dia 11 de Março (mesmo dia da devastadora Tsunami no Japão). Em 25 de Março, 3 dias antes do lançamento do álbum, Britney fez um show VIP especial no Casino Palms Resort Hotel. No dia 27 de março a cantora deu um concerto gratuito em São Francisco, no âmbito do programa "Good Morning America" que foi ao ar dia 29 de março, dia em que ocorreu o lançamento mundial de seu 7° álbum de inéditas, "Femme Fatale". que inicialmente seria estilizado "FEMME FATALE".
Logo após a performance a cantora recebeu o documento oficial da prefeitura da cidade de São Francisco que determina o dia 29 de março como o "Britney Day"[179]. No mesmo dia, Britney anunciou "Femme Fatale Tour", a sua 6° turnê mundial, mais tarde anunciou no Twitter a lista dos shows em seu site oficial, e que Nick Minaj iria abrir os shows. MTV exibe "I Am The Femme Fatale", especial inédito e exclusivo onde mostra Britney nos ensaios para as performaces, no estúdio com Will.I.Am, uma entrevista exclusiva e as gravações de Till The Worls Ends, que tem seu video clipe lançado em 6 de Abril de 2011. Em sua 1° semana de vendas, mesmo com o vazamento 18 dias antes, "Femme Fatale" vendeu 280 mil cópias apenas nos EUA, atingindo assim o 1° lugar dos álbuns mais vendidos da semana, fazendo com que a cantora seja a mulher mais jovem a conseguir estrear 6 álbuns em 1° lugar na historia, ficando empatada com Mariah Carey e Janet Jackson. Semana após o lançamento do CD, Britney faz dueto com Rihanna em um remix do single S&M do álbum Loud, uma semana depois remix estreou #1 na parada mais importante do mundo, Billboard Hot 100 e do iTunes.

Legado

Spears tornou-se um ícone da cultura pop internacional, logo após o lançamento de sua carreira. A revista Rolling Stone escreveu: "Uma das vocalistas mais polêmicas (e bem sucedidas) do século XXI," ela "liderou o crescimento do pós-milenar teen pop ... Britney cedo cultivou uma mistura de inocência e da experiência que quebrou o banco".[180] Ela é listada pelo Guinness World Records como sendo o "álbum mais vendido por uma artista solo na adolescência" para seu álbum de estréia ...Baby One More Time, que vendeu 14 milhões de cópias nos Estados Unidos.[181] Melissa Ruggieri do Richmond Times-Dispatch relatou: "Ela é marcada também por ser o artista mais vendido na adolescência. Antes que ela completasse 20 anos em 2001, Spears vendeu mais de 37 milhões de álbuns em todo o mundo, se tornado a mais jovem artista a entrar na lista de recordistadas de vendas de discos no mundo".[182] Barbara Ellen da The Observer relatou: ". Spears é notoriamente um dos "mais antigos" adolescentes que já produziu pop, quase meia-idade em termos de foco e determinação. Muitas garotas de 18 anos ainda nem sequer começaram a trabalhar nessa idade...- uma criança com uma carreira em tempo integral. enquanto outras meninas estavam colocando cartazes em suas paredes, Britney estava querendo ser o cartaz na parede...Britney estava desenvolvendo um ritmo definido pela indústria do entretenimento ferozmente competitivo americano."[183][184] Spears ainda se tornou influência de diversos artistas do pop e R&B atual, como Kristinia DeBargeLady Gaga,[185] Little Boots,[186] Selena Gomez,[187] Pixie Lott,[188] Adam Lambert, e Miley Cyrus.[189][190]
Bebo Norman escreveu uma música sobre ela, chamado de "Britney", que foi lançada como single. A Boy band Busted também escreveu uma canção sobre Spears chamada novamente de "Britney", que estava em seu primeiro álbum. Ela também é mencionada na canção "Don't Let Me Get Me", de Pink. Richard Cheese, chamando-a de "um artista marcante" e também passou a dizer que ela era "versátil". A revista People e a MTV informou que em 1 de outubro de 2008, João Bronx's Philip Sousa Middle School, nomeou seu estúdio de música em homenagem a Britney Spears. A própria Spears esteve presente durante a cerimônia e doou 10 mil dólares para o programa de música da escola.

Discografia

Álbuns de estúdio

Videografia

 Ver página anexa: Videografia de Britney Spears
A videografia de Spears consiste em 35 singles e 34 videoclipes, sendo dois deles (Break The Ice e Kill The Lights) animações. Possui 3 singles que não tiveram videoclipes, (My Only Wish (This Year)Outrageous e Unusual You) e ainda um videoclipe (Kill The Lights) nunca lançado como single. Seus videoclipes foram incluídos em 9 DVD's diferentes, Sendo que em Greatest Hits: My Prerogative DVD (2005) é possível ver 19 deles.

Turnês

AnoTurnê
1998Hair Zone Mall Tour
1999…Baby One More Time Tour
2000Crazy 2K Tour
Oops!... I Did It Again World Tour
2001Dream Within A Dream Tour
2004The Onyx Hotel Tour
2007The M+M's Tour
2009The Circus Starring: Britney Spears
2011Femme Fatale Tour

Filmografia

AnoTítuloPersonagemNotas
1993The Mickey Mouse ClubVários PersonagensTemporadas 6-7, 1993-1994
1999The Famous Jett JacksonEla MesmaEla cantou "…Baby One More Time".
Sabrina, the Teenage WitchEla MesmaParticipação
2000LongshotComissária de BordoParticipação
The SimpsonsEla MesmaEpisódio: "The Mansion Family"
2002Austin Powers in GoldmemberEla MesmaParticipação/Trilha Sonora
CrossroadsLucy WagnerProtagonista/Longa-Metragem
Robbie the Reindeer in Legend of the Lost TribeDonnerVersão Americana/Animação
2004Britney & Kevin: ChaoticEla MesmaReality Show
2006Will & GraceAmber-LouiseEpisódio "Buy, Buy Baby"
2008How I Met Your MotherAbbyTemporada 3: 2007-2008, episódios "Ten Sessions" e "Everything Must Go"
Britney: For the RecordEla MesmaDocumentário
2010GleeEla MesmaTemporada 2: Britney/Brittany

Produtos

Spears já lançou uma linha de roupas nos Estados Unidos, denominada "Britney For Candie's", e foi lançada exclusivamente nas lojasKohl's. Já lançou bonecas com as marcas Britney Spears Doll e Britney Spears Fashion Doll. Também lançou um jogo multi-plataforma em 2002 chamado Britney's Dance Beat, que ajudou a promover seu álbum Britney, além de co-escrever diversos livros: Heart To Heart, Every Step Of The Away, Crossroads Diary, Crossroads The Movie e A Mother´s Gift.

Fragrâncias

Perfume de Britney Spears "Curious".
Britney também assina várias fragrâncias, entre elas:
AnoFragrânciaInformação
2004
Curious
Data de lançamento: Setembro de 2004
  • Fragrância número #1 de 2004[191]
  • Ganhou o prêmio de melhor fragrância feminina em 2005[192]
Slogan: "Você se atreve?"
2005
Fantasy
Data de lançamento: 15 de setembro de 2005
Slogan: "Todo mundo tem uma"
2006Data de lançamento: 16 de abril de 2006
Slogan: "Você é?"
2006Midnight FantasyData de lançamento: Dezembro de 2006
Slogan: "A magia começa à meia-noite"
2007Data de lançamento: 24 de setembro de 2007
Slogan: "A maior liberdade é acreditar em si mesmo"
2008Curious HeartData de lançamento: Janeiro de 2008
Slogan: "Você já encontrou o seu?"
2009Hidden FantasyData de lançamento: Janeiro de 2009
Slogan: "O que você tem a esconder?"
2009Circus FantasyData de lançamento: Setembro de 2009
Slogan: "Bem-Vindo ao Picadeiro"
2010RadianceData de lançamento: Setembro 2010
Slogan: "Escolha seu próprio destino"
Curious rendeu o lucro de mais de 100 milhões de dólares em apenas 5 semanas.[193][194][195] Em Setembro de 2004, Britney lançou sua primeira fragrância, "Curious", pelo qual ela ganhou mais de 12 milhões de dólares. A fragrância foi o maior sucesso da Elizabeth Arden, quebrando o recorde de maior vendas de um perfume na primeira semana. Depois de um ano de vendas, o produto arrecadou 100 milhões dedólares, foi a mais vendida de 2004 e, em 2005, recebeu o prêmio de "Melhor Fragrância para Mulheres" da Fundação de Fragrâncias.[192]Curious vendeu mais de 10 milhões de frascos.[196]
Fantasy rendeu o lucro de mais de 30 milhões de dólares em 3 meses.[197] Fantasy foi a fragrância mais vendida na Austrália por 3 semanas. "Curious" estava indo melhor ainda. Esta última foi lançada há mais de um ano e era a terceira fragrância mais vendida na época na terra dos cangurus.[198]
O jornal americano Daily News fez uma pesquisa com 10 pessoas que vivem em Nova York para saber quais são seus perfumes favoritos. Eles colocaram vendas nas pessoas e fizeram com que elas escolhessem quais eram as melhores fragrâncias sem saber de qual celebridade era o perfume. Foram 04 disputas entre celebridades de grandes nomes e celebridades que são famosas por poucas coisas. Os grupos foram denominados como A-List e Z-List. Paris Hilton, por exemplo, era quem dominava a Z-List, que foi a lista vencedora. As disputas eram entre Sarah Jessica Parker contra Paris HiltonMary Kate e Ashley Olsen contra Kimora Lee SimmonsJennifer Lopez contraDaisy Fuentes e, finalmente, Britney Spears contra Naomi Campbell. Britney foi a única da A-List a vencer as disputas.[199]
As vendas de seus perfumes Curious, Fantasy e In Control somaram mais de 10 milhões de unidades vendidas mundialmente em 2006.[200]Na lista das 10 fragrâncias mais vendidas no Reino Unido em 2006, Britney estava com todos os seus perfumes: #4 In Control, #7 Fantasy e #10 Curious.[201]
Perfumes com celebridades se tornaram um grande negócio para empresas como a Elizabeth Arden, que produziu e vendeu os perfumes de Spears Fantasy, Midnight Fantasy, Incontrol e Curious. O perfume Curious que foi lançado em 2004, foi o primeiro da linha e foi um sucesso instantâneo. Segundo a companhia, o último, Midnight Fantasy, também teve um começo forte. A base de Nova York da Elizabeth Arden relatou os lucros trimestrais da empresa que cobriram as estimativas da Wall Street. As vendas subiram cerca de 20% graças as vendas de suas fragrâncias. A linha de fragrâncias de Britney Spears trouxe um aumento duplo, segundo o executivo chefe Scott Beattie em um comunicado.[202]
No filme The Devil Wears Prada (O Diabo Veste Prada), de 2006, é mostrada rapidamente uma vitrine que está divulgando o 2º perfume de Britney, Fantasy, quando a protagonista passeia pelas ruas de Nova York.[203]
Believe arrecadou mais de 25 milhões de dólares somente nos Estados Unidos.[204]
Entre junho de 2006 e junho de 2007, as fragrâncias renderam o lucro de mais de 8 milhões de dólares.[205][206]
Em 2008, numa enquete feita no site da Playboy americana, o comercial do perfume Curious foi eleito o comercial mais sexy de todos os tempos.[207][208]

Compart

Por: Multimidia Info

Navegue pela Data e encontre as Matérias em Ordem Cronológica.